Episódio #17 Temporada 8: A Anita em “Ser ou não ser” autêntica

A apologia da autenticidade, de mostrarmos todas as nossas facetas e a nossa vulnerabilidade também no trabalho, tem reinado nas melhores práticas e exemplos de RH.

Com a pandemia e o trabalho a invadir a privacidade da nossa casa num registo mais informal e rotineiro, os espaços fundiram-se, quebrando-se a barreira trabalho-casa e quebrando-se os nossos filtros.

Mas será boa ideia sermos absolutamente autênticos no contexto mais exposto e mais formal que é o nosso trabalho?

No episódio de hoje, a Anita divaga sobre as vantagens e desvantagens de sermos livros abertos ou de mantermos personas distintas nos vários contextos onde nos movemos.

 

Neste episódio mencionamos:
Brené Brown
“Do not bring your whole self to work”, artigo do The Economist publicado a 2 de Junho de 2022.
Post do Trevor Noah

A newsletter da Billy
A newsletter da Constança
A newsletter da Eli

O Clube do Livro da Anita
A newsletter da Anita
O Consultório da Anita

 

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook. Para consultas mais específicas, a Anita está disponível para sessões individuais com a sua comunidade em anitanotrabalho.com/consultorio

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: departamentodemarketing.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | Instagram
Constança Cabral: Blog | Instagram | Facebook

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.