Autor: anitanotrabalho

Episódio #20 Temporada 6: A Anita Série Empreendedora – Prelúdio: km zero

Antes da imersão e obsessão que podem, muitas vezes, caracterizar a fase inicial da criação de um negócio próprio, há lugar a um momento de pausa e reflexão, que leva a Anita ao fundo de si mesma ao procurar responder à questão: ser ou não ser empreendedora?

Sendo a Anita altamente analítica e dada à introspeção, e acérrima defensora da análise de todos os cenários até à exaustão, este debate interno tinha tudo para terminar com teias de aranha em volta ou com o aspeto gasto dos livros folheados e rabiscados por milhares de leitores.

Começou, obviamente, por um exercício de construção de cenários e implacáveis análises e contra-análises de prós e contras, mas acabou por ser resolvido de forma pragmática, pela imposição de objetivos e prazos e pelo empurrar da grande questão com a barriga.

No programa de hoje, a Anita regressa ao momento Zero da sua jornada como empreendedora, como ponto de partida para uma série de programas dedicados à criação de um negócio próprio.

Fica o convite para acompanharem e ajudarem a escrever alguns dos capítulos desta viagem.

Neste episódio, mencionamos:
pivotal
A Anita e o lado negro do teletrabalho – Episódio

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook.

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: nautilo.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | facebook | Instagram
Rita: Instagram

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.

Episódio #19 Temporada 6: A Anita em ensaio sobre a omnipotência

Ao longo dos anos, e após ter sido levado ao extremo, o multitasking deixou de ter conotação de medalha de mérito ou ser motivo de orgulho, para passar a gerar sentimentos de repulsa à Anita.

À medida que o processo de auto-conhecimento se foi aprofundando, a Anita percebeu a importância do momento, de dedicar o máximo da sua atenção a cada tarefa e situação, de conhecer os seus limites e respeitá-los. Ao longo do tempo, a sua gestão do tempo – recurso finito e inelástico – tem-se transformado em gestão da sua energia.

Num processo doloroso de aprendizagem, recorrendo ao método de “tentativa e erro”, a Anita tem tentado abraçar uma filosofia de aceitação e respeito pelo seu corpo e mente, definindo os limites superior e inferior de um equilíbrio saudável.

No programa de hoje, a Anita, qual atleta de alta competição, explora o conceito de estamina e gestão da sua energia, acomodando momentos de alta concentração e performance e momentos de descanso e recuperação.

Neste episódio, mencionamos:
Podcast Happy Lab, ep. 5
“4 Ways to Manage Your Energy More Effectively”, artigo de Elizabeth Grace Saunders, publicado na Harvard Business Review a 14 de Maio de 2021.
O episódio 24 da Anita, também conhecido como o “episódio do ócio” e o Episódio 42, o “outro episódio do ócio”

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook.

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: nautilo.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | facebook | Instagram
Rita: Instagram

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.

Episódio #18 Temporada 6: À conversa com Veronica Orvalho

Para Verónica, “qualquer dia é o dia em que podemos ajudar a mudar o mundo” e, no seu caso, o mundo que pretende ajudar a construir é um mundo onde todos têm direito e acesso à educação.

Nascida na Argentina, viveu nos EUA com 16 anos e, desde então, o mundo é a sua casa: doutorou-se em Software pela Universitat Politécnica de Catalunya, contando com alargada experiência na indústria da computação gráfica, e é atualmente professora na Universidade do Porto e investigadora no Instituto de Telecomunicações… mas guarda a Argentina e a Patagónia no coração.

No centro da sua investigação e estudos está a ciência do rosto humano. Em 2016, depois de uma década como professora universitária, fundou a Didimo, uma startup tecnológica que cria avatares ou “humanos digitais de alta resolução” com o objetivo de humanizar e personalizar a comunicação e interações no mundo digital.

Algumas das suas criações já foram usadas por entidades de renome como Universal Studios, Sony, Microsoft ou Amazon e são reconhecidas a nível internacional, tendo alcançado o primeiro lugar no Women Startup Challenge da Women Who Tech e um prémio científico da IBM.

Neste episódio, mencionamos:
Didimo
Paperwings
Oradora TedX Porto
Professora Universidade do Porto
Artigo no Dn Insider
Artigo Startup.info
Esclerose Lateral Amiotrófica, a doença de Stephen Hawking
GDPR – General Data Protection Regulation
Soul Machines
AICEP Portugal Global

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook.

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: nautilo.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | facebook | Instagram
Rita: Instagram

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.

Episódio #17 Temporada 6: A Anita e o lado negro do teletrabalho

Introvertida por natureza, a Anita vibra com cada dia de trabalho no sossego da sua casa, com o dosear das interações sociais, com o poder dedicar-se a trabalho estratégico sem a interrupção a cada 5 segundos dos ruídos e intrusões típicos de um open office.

Mas esta Anita, não são todas as Anitas, e o trabalho remoto e o teletrabalho podem fazer-nos sentir mais sós, com toda a bagagem que a solidão traz consigo.

A dimensão que esta solidão assume tem de ser analisada, também, à luz da fadiga de um ano desta que parece uma macabra experiência social à escala global. Enquanto já anteriormente a solidão era apontada como um dos principais contras do trabalho remoto, ao dia de hoje está exacerbada pela ausência de quase todas as outras interações sociais e pode fazer a Anita pintar de cor de rosa a vida e as relações no escritório.

Numa altura em que o futuro segue incerto, em que as bases estruturais do trabalho híbrido se começam a desenhar, a Anita explora prós e contras numa batalha de introvertidos vs extrovertidos e todos os que se encontram no meio.

Neste episódio, mencionamos:
Vídeo sobre solidão no trabalho preparado por Christine Liu, editora de inovação em Harvard Business Review
Confúcio
Metodologia Agile
Daily Scrum
Trello

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook.

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: nautilo.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | facebook | Instagram
Rita: Instagram

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.

Episódio #16 Temporada 6: Pode a Anita viver sem redes sociais?

Bem-me-quer, mal-me-quer, bem-me-quer, mal… A relação da Anita com as redes sociais perdeu há já algum tempo o encanto romântico e excitante de quando se conheceram. Algures no tempo a relação desvirtuou-se e deixou de haver confiança.

À medida que a distância e a desconfiança foram crescendo, em proporcional medida à imposição e necessidade que as redes foram exercendo, a Anita passou a vê-las como uma ferramenta, incontornável em termos profissionais. E colocou-lhe limites, físicos e psicológicos, qual ordem de restrição, sem deixar de pensar no bonito que foi e lamentar o intrusivo que se tornou.

A Anita abre o coração desta relação de amor-ódio e espera encontrar a paz de espírito no desabafo.

Neste episódio, mencionamos:
Flipboard
Good Reads
BLX Bibliotecas de Lisboa
PressReader
“Bottega Veneta shutting down its social media accounts might signal a trend”, artigo escrito por Pamela N. Danziger a 7 de Janeiro de 2021 e consultado a 4 de Maio de 2021.
Anúncios de Natal da John Lewis
Social media boycott: Football clubs, players & sporting bodies begin protest”, artigo publicado a 30 de Abril de 2021 e consultado a 4 de Maio de 2021.
“Procter & Gamble chief marketer slams ‘crappy media supply chain’, urges marketers to act”, artigo publicado na CNBC a 31 de Janeiro de 2017 e consultado a 5 de Maio de 2021. “One year later”, artigo puclicado na MarTechToday a 20 de Fevereiro de 2018 e consultado a 5 de Maio de 2021.
Colin Kapernick e a sua parceria com a Nike
“Comparisonitis”

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook.

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: nautilo.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | facebook | Instagram
Rita: Instagram

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.

Episódio #15 Temporada 6: A Anita líder em tempos de crise

Depois de meses a abordar dados e estudos sobre discriminação, desigualdade, atrasos sistémicos…e de, nas entrelinhas, ir sugerindo que as mulheres devem assumir mais posições de liderança, que têm estilos de liderança com melhores resultados, que são líderes mais eficazes… a Anita traz para a mesa os números da verdade: as mulheres são efetivamente melhores líderes, reforçando a sua posição em tempos de crise.

Numa prova do algodão, comparando indicadores de liderança e avaliação 360, pré e durante a pandemia, as mulheres em posições de liderança são melhor avaliadas em 13 de 19 indicadores, sendo que os restantes 6 revelam paridade entre homens e mulheres.

Está na hora de chamar mais heroínas para salvar a humanidade!

Neste episódio, mencionamos:
Artigo Harvard Business Review – Women are better leaders during a crisis
“La presencia de la mujer en las ediciones digitales de siete diarios deportivos: del deporte a la “porquería machista””
Glass Cliff
“Os Homens são de Marte e as Mulheres são de Vénus”, de John Gray
Conversa entre Christine Lagarde e Ursula von der Leyen sobre a atenção extra que têm de ter nas suas organizações para garantir a igualdade de acesso homens/mulheres.
Global Gender Gap Report – Antes eram 90 anos até atingirmos a igualdade de género agora são 135 anos…
Ardern and Bhutto: Two different pregnancies in power”
Benazir Bhutto
“The Lady vanishes”, episódio de Revisionist History, podcast de Malcolm Gladwell
“Workplace gender quotas weed out incompetent men and make businesses more efficient, study finds”, artigo de Ben Chapman, publicado a 19 de Junho de 2017 no Independent, e consultado a 5 de Fevereiro de 2021.
The Good Wife
“Espanha vai testar semana de trabalho de quatro dias”, artigo publicado a 16 de Março de 2021 na revista Sábado e consultado a 28 de Abril de 2021.
Igualdade salarial em Espanha, artigo publicado a 12 de Janeiro no Cinco Días e consultado a 28 de Abril de 2021.
“How Iceland Is Closing the Gender Wage Gap”, publicado a 8 de Janeiro de 2021 na Harvard Business Review e consultado a 28 de Abril de 2021.
A Anita à conversa com a Carolina Salgueiro Pereira
“LinkedIn is adding ‘stay-at-home mom’ and more caretaker titles, as 2.3 million women leave the workforce”, artigo escrito por Maria Caspian e publicado a 30 de Março de 2021.

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook.

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: nautilo.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | facebook | Instagram
Rita: Instagram

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.

Episódio #14 Temporada 6: A Anita e a Caixa de Pandora

E agora, para algo totalmente diferente… e potencialmente perigoso, ou no mínimo embaraçoso… a Anita resolveu abrir a caixa de Pandora. Num episódio sem pés nem cabeça, mas nem por isso menos revelador, cada Anita vai responder a perguntas aleatórias, ou não, e que espera não a deixarem sem palavras.

Numa conversa que pode ditar o fim deste podcast, ou, por outro lado, dar origem a toda uma nova série, a Anita pede paciência e fé aos seus ouvintes, e espera que continuem todos desse lado depois do que hoje aqui se passar.

Sem mais delongas, aqui fica o episódio mais embaraçoso, espontâneo e desestruturado da história do Anita no Trabalho.

Neste episódio, mencionamos:
“”Sofagate”: Thousands sign petition for head of European Council to resign after he took chair from female colleague in viral video”
Saída da Turquia da Convenção de Istambul é “lamentável”, artigo publicado no Observador a 25 de Março de 2021 e consultado a 20 de Abril de 2021.
Gloria Steinem
bell hooks
Movimento das Sufragistas
Antiprincesas – Carolina Beatriz Ângelo
Carolina Beatriz Ângelo
“LinkedIn is adding ‘stay-at-home mom’ and more caretaker titles, as 2.3 million women leave the workforce”, artigo escrito por Maria Caspian e publicado a 30 de Março de 2021.
Sobre Mr., Ms., Mrs. e Miss: não encontrámos informação clara sobre se a distinção ditada pelo estado civil já foi erradicada ou não. Mas este artigo explica a sua utilização e algumas das suas nuances: “Mr., Mrs., Ms., and Miss: How to Use Titles Correctly (Every Time)”
A Anita conversou com a Carolina Salgueiro Pereira no episódio 73 “Carolina Salgueiro Pereira – Manual para construir um mundo melhor”
Motherhood penalty
“The Motherhood Penalty vs. the Fatherhood Bonus”, artigo escrito por Claire Cain Miller. publicado no New York Times a 6 de Setembro de 2014 e consultado a 20 de Abril de 2021.
“Lailah’s Lunchbox”, um livro de Reem Faruqi e ilustrado por Lea Lyon
“O Jaime é uma sereia”, de Jessica Love
“Ich bin stark, ich sag laut nein!”, de Susa Apenrade
Série de livros do “George do Espaço”, dos autores Lucy e Stephen Hawking “The Big Bang Theory”
Jogos Educativos Science4You
Unlocking Us, podcast de Brené Brown
The Happiness Lab, podcast da professora de Yale Dr. Laurie Santos
How I built this, podcast da NPR com Guy Raz
Podcast #AsturiasPower
Podcast de Cristina Mitre
“Gut: The Inside Story of Our Body’s Most Underrated Organ”, livro de Giulia Enders, ilustrado por Jill Enders
O homem que mordeu o cão, podcast de Nuno Markl na Rádio Comercial
Hidden Brain, da NPR com Shankar Vedantam
Episódio “Fork the Government” do podcast Planet Money da NPR
Rough Translation, um podcast da NPR
Governo Sombra, podcast da TSF (que também passa na televisão)

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook.

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: nautilo.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | facebook | Instagram
Rita: Instagram

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.

Episódio #13 Temporada 6: Anita e a saúde mental – Parte 2

Há algo de estranho no silêncio dos dias. Semanas depois da reabertura parcial das escolas, finalmente com tempo para si e a possibilidade de sonhar em voz alta e recomeçar planos, a Anita sente um certo entorpecimento, uma certa resistência em regressar às esplanadas ou retomar rotinas interrompidas… Não que não sinta prazer nas saídas, com maior liberdade e em companhia do sol…mas uma sensação de efemeridade teima em assolar a sua mente.

A segunda tentativa de regresso a uma normalidade, que talvez já nem tenha lugar, deixa a Anita alerta e expectante. Sabe que deve estar atenta a si e centrar-se no seu bem-estar, físico e mental – prossegue com o yoga, faz caminhadas e corrida, cuida da alimentação, reforça a prática de mindfulness…procura ter tempo para si. Mas o seu sistema límbico parece avariado, dando lugar a oscilações bruscas de humor e um certo desnorte emocional.

Semanas após a conversa franca e sem filtros, a Anita volta ao sofá, para mais uma consulta com a Ana Teresa Vale, desta feita para pedir ajuda no regresso a uma qualquer normalidade.

 

Neste episódio, mencionamos:
“Mais de um quarto das famílias portuguesas perdeu 25% ou mais rendimentos durante a pandemia”, artigo escrito por Rita Robalo de Sousa, publicado a 25 de Março de 2021.
“Número de divórcios em Portugal aumenta no pós-desconfinamento”, notícia publicada no site Sic Notícias a 12 de Outubro de 2020.
“O confinamento é “uma lua-de-mel para os agressores”?”, artigo escrito por Fernanda Câncio e Valentina Marcelino e publicado no Diário de Notícias a 27 de Janeiro de 2021.
Estatísticas APAV: Relatório de 2020 | Relatório de 2019
“Em três meses, vendidas mais de 5 milhões de embalagens de ansiolíticos e antidepressivos”, artigo escrito por Ana Mafalda Inácio e publicado no Diário de Notícias a 9 de Junho de 2020.
“Covid-19: pandemia aumentou os casos de ansiedade e depressão nas crianças”, notícia publicada no site da TVI online
“Fadiga pandémica: “Uma realidade internacional”
“Fadiga da Pandemia”: um documento da Ordem dos Psicólogos com informação
Fact Sheet da Fadiga da Pandemia feito pela Ordem dos Psicólogos.
“COVID-19: Metade dos portugueses apresentam sintomas de depressão”, artigo escrito por Luísa Melo e publicado a 22 de Março de 2021 no portal de notícias da Universidade do Porto. Consultado a 13 de Abril de 2021.
Myers Briggs Type Indicator
Portal da Ordem dos Psicólogos “Eu sinto-me”
Os habitantes do Reino Unido têm níveis de depressão e ansiedade muito preocupantes, segundo um estudo que compara países europeus.

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook.

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: nautilo.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | facebook | Instagram
Rita: Instagram

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.

Episódio #12 Temporada 6: A Anita em processo de busca interior

Inspire. Sinta o ar a passar nas narinas. Concentre-se apenas nessa sensação. Sempre que a sua mente for assaltada por pensamentos ou a sua atenção for desviada, registe essa interrupção, perceba onde está o seu pensamento, volte a atenção para a respiração e volte a concentrar-se.
Repita.

Este exercício ajuda a Anita a estar no presente, a estar presente, a estar sem julgar, a observar e observar-se de forma objectiva… uma escolha intencional de estar em vez de fazer.

Um primeiro exercício de autoconsciência, fundamental para optimizar a mente para um desempenho superior e bem-estar/felicidade.

O primeiro contacto da Anita com mindfulness junta um engenheiro da Google, budismo e inteligência emocional. Depois disso, um processo de busca interior…e o medo de não se encontrar ou ficar fechada no interior para sempre 🙂
O que se segue? Traduzir este autoconhecimento e autoconsciência num estilo de vida intencional. E depois? A paz mundial!

Confuso?
Venham daí para uma conversa que não sabemos onde vai parar.

 

Neste episódio, mencionamos:
Malhação
Search Inside Yourself, de Chade-Meng Tan
Daniel Goleman
Jon Kabat-Zin
Mirabai Bush
Disse-me um adivinho de Tiziano Terzani
FOMO e JOMO
Aos 18’50”, a Billy fala nos “círculos” (circle of power, of influence, of concern, etc). É um conceito que vem no livro “The 7 Habits of Highly Effective People”, de Stephen R. Covey
Headspace
“Eat, Pray, Love”, de Elizabeth Gilbert
“Eat, Pray, Love”, o filme
Aos 35′, a Billy fala na conversa com a Joana Laranjeiro, a Mãe Catita, e a sua pausa consciente

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook.

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: nautilo.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | facebook | Instagram
Rita: Instagram

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.

Episódio #11 Temporada 6: A Anita à conversa com Sara Vicente

Era uma vez uma economista lisboeta, recém licenciada, e a caminho de uma carreira em investment banking em Londres, que se encantou com um grupo de crianças em Moçambique que lhe transformaram a vida.

Foi por elas que criou a Um Pequeno Gesto, uma ONG que aspira a dar condições de vida dignas e educação a estas crianças, criando-lhes as bases para também elas sonharem um futuro melhor.

Numa espécie de carreira dual, concilia os números frios do trabalho na banca com uma missão pessoal de serviço ao próximo, e à Um Pequeno Gesto juntou-se a Make Space for Growth e mentoria e investimento em startups, com especial incidência em projetos liderados por mulheres.

Não sabemos ainda onde irá parar mas temos a certeza que não será parada por nenhum teto de vidro.

Neste episódio, mencionamos:
A Sara menciona um episódio da Anita sobre os hábitos. É o episódio “Anita e a falácia dos 21 dias”
“Atomic Habits”, de James Clear
Bullet Journal
UK VC & Female Founders report

E podemos encontrar os projetos da Sara aqui:
Um Pequeno Gesto
A Little Gesture
Make Space for Growth

E não se esqueçam:
A Anita regressa ao trabalho quando bem lhe apetece e pode, idealmente a cada semana, mais coisa menos coisa, com um ponto de situação nos seus projetos. No entanto, como boas aspirantes à omnipresença, continuamos ligadas no Instagram, em @anita_no_trabalho, e ainda em anitanotrabalho.com, onde poderão conversar connosco através da secção Querida Anita, ou no Facebook.

Ou nas nossas plataformas profissionais:
Eli: nautilo.net | facebook | twitter | Instagram
Billy: airdesignstudio.com | facebook | Instagram
Rita: Instagram

Anita no Trabalho é um podcast produzido por Ana Isabel Ramos – designer, ilustradora e knitwear designer em airdesignstudio.com e instagram.com/air_billy – e Eliana Soares – marketeer e estratega em nautilo.net e instagram.com/elice_inwonderland – e a participação especial de Ana Rita Santos – Business development manager em instagram.com/ritaana.

Créditos:
“Polygamie” de Gabriel Vigliensoni, através do Free Music Archive.